quinta-feira, 20 de abril de 2017

[ENTREVISTA 11] EMILY S. AMITE

Brendo Hoshington


“A paz é apenas uma ilusão criada para manter as pessoas com esperança, domadas.”


Emily S. Amite

Acompanhe essa entrevista ao som de umas das músicas prediletas da autora:


Olá todo mundo, na entrevista 11 dessa seleção o Book of Livros trás uma escritora com personalidade, que escreve nada menos que 10 mil palavras por dia e demorou menos de um ano para escrever uma série com 7 livros, Do Outro Lado do Espelho é o primeiro dessa heptalogia escrita pela autora Emily S. Amite.

A imagem pode conter: texto

Você pode adquirir o seu exemplar diretamente com a autora.

Link do livro na Amazon.

1. Quem é Emily S. Amite?

Essa é difícil... Eu sou apenas uma pessoa comum, nascida numa cidade do interior do Rio de Janeiro, criada no Rio e no Sul. Amo ar livre, camping selvagem, adoro natureza e acredito ter nascido num tempo errado rsss.

2. Quando percebeu que a escrita fazia parte da sua vida?

Aos 14 anos, quando comecei a escrever meu 1° livro “O espelho no lago dos olhos” a primeira versão de Do outro lado do espelho. O livro me fez sentir viva, sentir que tinha um propósito, e assim como quando eu lia, podia viajar para outros mundos e ser feliz neles, pensei em passar essa alegria para as pessoas através dos meus mundos também.

3. Qual o primeiro livro que se lembra de ter lido?

Foram muitos infantis, mas o livro que eu peguei para ler que eu me lembro de toda a história foi “O caso da borboleta atíria” quando eu tinha 11 anos.

4. Como era a primeira história que você criou?
  
Essa é boa! Foi um mundo feito de comida! Fios de macarrão, calcadas de chocolate e tudo que é objeto feito de comida! (nem sou fominha kkkkkkkkkkk)

5. Quais são suas inspirações?

Músicas, animes, jogos.

6. Metas para o futuro?

Sonho em ser reconhecida! Talvez, quem sabe uma autora de Best Seller da Galera Record. hehehehe.

7. Como você enxerga o quadro atual da literatura no Brasil?

Complicado.
Infelizmente os autores enfrentam preconceitos de todos os tipos, não podemos escrever nada que já somos julgados dentro de clichês, estereótipos raciais, estilo de escrita e narração e muitos outros, fora o enorme preconceito com a literatura nacional. Os leitores parecem não enxergar quão bons são os livros nacionais!

8. Qual é o seu livro nacional predileto?

A lenda de Eve – L.H.S. Simplesmente amo esse livro! Amo mais que todos! A história é simplesmente viciante.

9. O que gosta de fazer nas horas vagas?

Escrever umas dez mil palavras por dia kkkkkkkkkkkkk (zoa, gosto de ler e brincar de lego.)

10. O que você diria para uma pessoa que está começando agora?

Vou colar uma frase de minha autoria que está no meu livro: Enquanto houver luz dentro de você, mesmo que a força e a esperança se esgotem, lute! Não há nada mais triste do que desistir dos sonhos, nada mais frustrante do que se deixar abater por um fracasso. Lutar é se erguer mesmo quando achar que não consegue mais, pois é nas horas de fraqueza que o inimigo baixa a guarda e você o derrota.



Confira agora um poema escritora pela autora:

Em algum momento no meio da noite,
Estarei cansada demais para resistir,
Então fecharei os olhos novamente,
Mergulharei no mundo que criei para sorrir.
Onde posso te ver com esse olhar que me encanta,
Como um ferro em brasas deixando tua marca em mim.
Tenho medo de despertar e ver que não passa de um sonho,
Que você não estará lá no fim do dia,
Que seu sorriso não será mais para mim.
Então calo e choro, pois esperei por tanto tempo,
Um alguém capaz de tirar essa dor de mim.
O que farei quando a noite terminar, e você não estiver mais lá?


>> Gostou desse conteúdo? Comente e compartilhe em suas redes sociais <<

Já pensou em ter uma almofada do seu livro preferido? Ou daquela série que você não perde um episódio? Então conheça a Pillows - Almofadas Personalizadas, uma loja do Book of Livros.






Brendo Hoshington / Administrador & Editor

Mora em Pernambuco e sonha em conhecer o mundo, mas por enquanto viaja apenas em livros e séries.

2 comentários:

  1. Mais uma talentosa pro time, né?
    Que legal, Brendo. Só gente top nessas entrevistas.
    Muito bacana.
    Adorei a capa do livro dela e essa poesia aí, hein? Linda demais.

    Parabéns, desejo sucesso!!!

    ResponderExcluir